Decoração de casa(mento)

Acho que já contei por aqui (e aqui também) que meu apartamento não ficou pronto a tempo do casamento (apesar de ele ter sido comprado – na planta – com dois anos e meio de antecedência, já prevendo todos os atrasos possíveis – a gente só não contava com a demora para obter o Habite-se, mas tudo bem).

Tivemos que alugar um apartamento para vivermos nesse meio tempo e tudo acabou ficando levemente desorganizado. Quando entramos no apartamento, não existia nada e fomos nos arranjando. Tivemos que comprar móveis para a cozinha (só existia a pia!), sofá para a sala (e teve que ser pequenininho porque o espaço é minúsculo e o outro apartamento era bem maior!), e por aí vai.

Em junho agora, mudamos de vez para a nossa casa. Infelizmente, por um milhão de motivos, não fomos para aquele com o qual sonhamos por dois anos e meio (e cuja obra visitamos quinzenalmente para verificar a evolução… Tão sonhadores…). Tivemos que vendê-lo e compramos outro apartamento, no mesmo prédio onde alugávamos. A mudança foi mais fácil, é verdade, mas ficou aquela decepção, sabe? Afinal, não era o apartamento dos meus sonhos. Dos nossos.

Mas o motivo de eu falar tudo isso é outro. Como eu já contei aqui várias vezes, fiz muita coisa para o casamento. Comprei muita coisa também, pensando que um dia poderia usar na minha casa. E quando me mudei, uma preocupação que tive foi exatamente essa. Como incorporar aquele detalhes todos na minha casa? E eu acho que essa é uma coisa que toda noiva de casamento DIY passa. Afinal, gastamos tanto tempo fazendo todos aqueles detalhes, mas e depois?

Por isso resolvi fazer este post pra mostrar como ficou. Ainda tenho um monte de coisa guardada, mas também preciso tomar cuidado pra minha casa não ficar com cara de menininha.

Esse abaixo é o móvel da TV. Por incrível que pareça, só tirei foto dos detalhes (e esqueci completamente de mostrá-lo no todo). Nele, coloquei meus regadores vintage queridos (que ficaram na casa da minha mãe até mês passado – aliás, como ainda tem coisa na casa dos meus pais! Limpo, limpo, limpo, levo coisa pra minha casa e ainda sobra um monte de coisa na casa dos meus pais!), uma das gaiolinhas brancas pequenas, meu casal de passarinhos fofos (que eu não consegui comprar para o casamento, mas acabei achando numa viagem, neste ano, e não tive dúvidas, comprei logo!), as lanternas brancas, o coração de MDF que eu pintei de vermelho para o casamento e um dos porta-retratos que fiz (o pôster peguei no blog Casa de Colorir – primeiro blog de decoração que comecei a seguir pós-casamento, dica da minha super e queridíssima amiga Kamis – e imprimi. Se você quiser ver outros modelos, tem aqui).

regador20130920-091927.jpg

20130920-092059.jpgEste aqui é o nosso bar. Marido que mandou fazer o móvel, que deixa a adega embutida lá embaixo, e o nicho pra ele colocar as garrafas. O nicho eu ainda vou mandar espelhar. Está na minha “to do” list. Depois que tirei essa primeira foto, alterei a disposição de algumas coisas. Achei que o abajur ficava na frente dos quadrinhos (todos comprados na Leroy Merlin) e a garrafa com rolhas também. Não sei, mas algo me incomodava. Por isso na foto de detalhe das gaiolinhas pretas você vai ver que está diferente. Mas o que vale é a disposição final. O abajur (que eu amo de paixão, presente da Mari, minha amiga de internet que virou super real, passou para o aparador que fica do outro lado da sala). No bar, deixei as gaiolinhas pretas.

Não dá pra ver direito, mas sobre a cristaleira também tem o porta-retratos que eu deixei na mesa de bem-casados (com a nossa foto na igreja, para a chegada dos convidados) e velinhas com renda que usamos na festa). Não lembrei de tirar foto disso…

IMG_6506gaiolinhas 2A plantinha aí em cima chama-se dinheiro em penca. Estava passeando no Mercado da Lapa quando me deparei com ela. O bom é que é super fácil de cuidar. Pouco sol e regar a cada 15 dias. Eu confesso que rego mais que isso. E ela continua crescendo.

Aqui embaixo é o banheiro. Como ele é mais delicado, coloquei o vasinho de lavanda e comprei as florzinhas na TokStok. O elefantinho (que eu adoro – aliás, não dá pra ver direito, mas lá na sala também tem um elefante de gesso. Ele vai virar vermelho, mas despois eu mostro por aqui) é um porta-aliança, que eu achei na Imaginarium. Ótimo porque marido vivia deixando a aliança no parapeito da janela do banheiro e eu morria de medo que caísse. Tudo bem que é terceiro andar, mas se caísse ninguém ia achar de novo…)

banheiroEssa é (parte da) minha casinha. Tudo bem que não dá pra ver direito, mas dá pra te ruma ideia. Ainda falta muita coisa a ser arrumada, mas aos poucos a gente chega lá. Ah, se você quiser ver onde ficaram algumas dessas coisas no casamento, clique aqui.

Anúncios

4 comentários sobre “Decoração de casa(mento)

  1. Juliana disse:

    Oi Chris, tudo bem?
    Conheci seu blog no mesmo dia que estava casando, tinha acabado de assinar o contrato do local da festa, e começei a busca por fornecedores, mas antes passei madrugadas lendo todos os seus textos, acabei fechando a minha decoração com a Luz e arte, planejei o casamento com o orçamento curto … e faltando apenas 4 dias para o casamento, vejo que gastei três vezes mais o que tinha planejado. Fiz tudo o que vc fez e mais algumas coisas… ontem parei no hospital por causa de nervoso e dieta… queria agradecer muito sua ajudas. Fiz orçamento com janet pimenta ficou além do que podia pagar com a Marcia Piveta mas não fechei pelo seu ok da lista de fornecedores rsrs.

    Assim que tiver as fotos mando para você.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s