A tal da Dukan

Falei aqui outro dia que ia começar a tentar a tal da dieta Dukan. Li um bom pedaço do livro, fiz várias pesquisas no (sempre santo) Google, comprei um monte de coisa no supermercado e lá fui eu.

Minha primeira fase da dieta acabou hoje: o ataque. Em três dias, só comi proteína. Carnes em geral, iogurte zero, queijo zero, gelatina diet a colher e meia de farelo de aveia e muita água. Mas muita mesmo.

Na balança, até agora, não vi diferença. Achei que eu desinchei. Mas nada que fosse absurdamente significativo.

Acho que eu fico lendo coisa demais (entrei até em grupos no Facebook em que as pessoas trocam receitas e experiências. Descobri que elas tem grupos no Whatsapp!!! Nunca imaginei uma coisa dessas…). Talvez porque eu não queira perder 20kg (só 10!), não tenho emagrecido tanto nesta primeira fase. Fiz exercício até. Mesmo ficando meio baqueada pela falta de carboidrato. No primeiro dia, corri na esteira 5km, mas correndo 1′ e andando 1′, alternadamente. No segundo, andei só durante o dia (o livro fala em andar 20 minutos diários nesta fase). E hoje andei 30 minutos na esteira. Mas, no final, já estava bem fraca.

A comida até que sustenta. Fiquei surpresa! Mas é bem difícil encontrar em restaurante na rua. Hoje, por exemplo, ao contrário do outros dias, não levei comida para o trabalho. Para piorar, só consegui sair para almoçar 14h e tanto. Foi bem difícil. É até engraçado, mas eu comi em dois lugares diferentes. E gastei 9 reais com comida! (Somando os dois – eles não tinham opções. Então eu peguei o que tinha em um – quase nada – e o que tinh no outro – quase nada tb).

De lanchinhos levei pedaços de queijo zero, iogurte zero (grego, sabe?) e pontinho com gelatina. No intervalo, água. Durante a refeição, água. De manhã, água. A noite, água.

Achei que amanhã iria já poder verduras e legumes (maior falta estou sentindo!), mas ainda não. A fase agora, cruzeiro, é de alternância entre dias de proteína pura (como foi no ataque) e proteína + legumes e verduras. Agora também são duas colheres de sopa de farelo de aveia.

O farelo estou comendo no café da manhã. Misturo o farelo a um ovo, meia colher de sopa de iogurte zero (as receitas falavam em requeijão zero, mas eu susbstituí), uma colher de chá de fermento em pó. Tudo na frigideira, fica como uma massa de panqueca mais grossa. E aí recheia com o que quiser. São tantas as possibilidades (presunto magro, ricota, peito de peru light, queijo zero) que dá até para ficar perdida… #SQN. Alias, esse eu achei um dos maiores problemas nesses dias de ataque e, agora, de proteína pura.

Já pesquisei diversas receitas diferentes para esse novo momento no qual estou entrando. Coloquei várias delas no Pinterest também.

Não sei quanto tempo aguento. Nem se resisto ao final de semana. Mas sigo tentando. Quem sabe funciona comigo também, né?

20140424-224824.jpg

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s