Degustação de Doces: Pecadille

A Pecadille foi a última empresa de doces que eu visitei e acredito, também, que seja a última. Era uma daquelas aguardadas, sabe? Uma espécie de Janete Pimenta dos doces. E eu sabia que não me arrependeria. Foi este o motivo de eu levar o Fê comigo. Sabia que valeria a pena. E não estava enganada.

Conheci a empresa em alguns eventinhos de noiva. O que eu mais lembro é a última edição do Quer Casar com Estilo?. Tinha um tal de truffle pop de limão siciliano que era simplesmente marvilhoso. E olha que eu, apesar de adorar limão, sou super chata para doces… Mas gostei tanto que até guardei a tag do docinho.

20120222-023534.jpg
Truffle pop de limão siciliano no Quer Casar com Estilo? Além de super fofo, uma delícia

Apesar de toda a resistência oferecida, o Fê foi à degustação. E não se arrependeu. Os doces estavam lindos e muito bons.

20120222-024039.jpgEle gostou bastante do chocolate amargo deles e eu amei a trufa de limão (que é a versão sem palitiho do truffle pop). E o preço bem na média dos doces… gourmet, digamos assim.

Gostei, viu? E o Fê também.

Anúncios

Degustação de Doces: Studio Sucre

Eu tinha deletado o conteúdo deste post por conta da censura sofrida (ainda não leu? Foi aqui), mas por obra divina, acabei encontrando o texto. Por isso, depois de vários comentários de solidariedade com a pessoa que aqui vos fala, resolvi republicá-lo. Porque cercear a liberdade de expressão não dá, né?

Este era o conteúdo:

O Studio Sucre eu conheci por indicação da minha ex-chefe, que por sua vez recebeu indicação de uma outra colega de trabalho. Achei as fotos do site bem interessantes e liguei para agendar uma degustação.

Peguei a caixinha também na sexta-feira e lá fui eu fazer a degustação com o meu noivo.

Apesar de não serem tão bonitos quanto os da Louzieh (falei sobre eles aqui), achei mais gostosos. O que eu mais gostei foi o chocolate em forma de coração com coraçõezinhos rosa (o primeiro do canto superior esquerdo, aí embaixo). Os outros não achei tão gostosos… Nem o noivo, que agora reclama que tudo o que eu pego tem brigadeiro (e nem sou eu que peço! É o que eles oferecem!). E brigadeiro é melado, portanto, ele não gosta…  

Uma rápida observação que não estava aqui antes ( e a única alteração feita): os bem-casados são muito bons. Mas não vale a pena.

Degustação de doces: Louzieh

A Louzieh foi uma das degustações que fiz na última sexta-feira. Pelo que entendi, a empresa é carioca, mas tem também sua unidade em São Paulo, que fica em Moema. Me perdi no meio do caminho e, como ainda tinha um zilhão de coisas pra fazer no meu último dia de semana de férias, só retirei a caixinha no local. Primeiro preciso dizer que o lugar é super bonitinho! Amei a decoração!

A caixinha veio assim:

20120122-212329.jpg

A apresentação dos doces é linda! Tem uns que você tem até dó de comer. Olha a delicadeza dos docinhos, os lacinhos… são muito bonitos mesmo! Mas o gosto nem tanto… Esse brigadeiro com as bolinhas aí embaixo é o melhorzinho, mas é brigadeiro, né? Tem gosto de brigadeiro normal (e, modéstia à parte, eu sou fã do meu próprio brigadeiro! Ah! E o da Brigaderia. Primeiro o da Brigadeiria – R$ 300,00 o cento – e depois o meu).

Eles entregaram também dois bem-casados, que eu deixei aqui em casa para experimentar durante a semana com a minha mamis. Os doces, experimentei com o noivo, que também não gostou de nada. Mas também, a não ser por chocolate amargo e sorvete, ele não é lá muito chegado em doces, o que não faz dele um bom companheiro de degustação. Ele achou tudo normal demais. 

20120122-212314.jpg

Mas que os doces são lindos, são!!!

Degustação de doces: Kykah

Confesso que nem lembro mais onde conheci a Kykah Doces. De algum evento de noiva, alguma revista de noiva ( bem mais provável, pensando friamente!), mas pedi um orçamento. Nem vi os valores direito porque tinha lido que era em alguma cidade do ABC (São Caetano, talvez?) E se nem para fazer reunião com a fotógrafa nós fomos para longe, que dirá para fazer degustação de doces… Mas aí eu reli o e-mail (sempre recomendado, no meu caso) e percebi o momento em que eles falam que é possível agendar a degustação no escritório em Moema. E lá fui eu.

Fui super bem atendida pelo chef (de doce também é chef?) deles… A apresentação dos doces é bem bonita…

20120118-232042.jpg

20120118-232028.jpg

20120118-232055.jpg

Mas o gosto… Sabe aquele tipo de doce que de tão bonito você fica com dó de comer? (Tem um dourado lá que é um espetáculo de lindeza!) Mas quando coloca na boca… fica meio decepcionada… Foi mais ou menos assim. Lógico que tem boas opções diante de tantas que estavam lá expostas. Tem uma cestinha super fofa de chocolate meio amargo com um creme de gianduia, talvez, que o Fê ia gostar. O que eu amei (amei! amei! amei!) foi um doce de beijinho com uva (quando eu era criança, a moda era ter esse doce em festa infantil. Aí ia a criançada toda em cima do brigadeiro e do beijinho e só ficava esta que vos fala em cima do docinho com uva dentro. Imagina! Tem fruta! nem toda criança gosta de fruta!). Agora, pensando bem, nem sei se eu adorei esse doce porque ele me lembra infância ou se realmente estava muito bom… Mas ponto pra ele!

Degustação de doces: Danielle Andrade

A última degustação da semana passada foi da Danielle Andrade. Retirei os doces na quinta-feira, mas acabei comendo só na sexta. Eles pediram para que eu escolhesse quatro sabores. Selecionei os seguintes:

– Brigadeiro belga

– Crespinho de nozes

– Doce de maçã com amêndoas

– Crocantino de limão

Tudo o que posso dizer é o seguinte: recebi uma caixinha com exatas QUATRO unidades de doces, apenas dos selecionados. Eles eram pequenos e a apresentação não era tão bonita assim… O atendimento também não foi nada simpático. Parecia que tudo era um grande favor. Disso eu não gostei nada nada. Pra se ter unma ideia, a Stella, da Santo Vício enviou até e-mail na sexta com indicação de fornecedor de vídeo (porque eu tinha dito que ainda não tinha… Olha a diferença!).

O gosto também não me agradou. Nem o brigadeiro de chocolate belga, que eu peguei para comparar com os outros.

Esse fornecedor eu passo.

Degustação de doces: Santo Vício Chocolates

Conheci a Santo Vício Chocolates no Exponoivas de 2010. A empresa fazia parte do Espaço Bem Casar, ao lado da Carla Camp, fotógrafa de casamento.

Achei o trabalho lindo. Acho que até cheguei a experimentar, mas não me lembro direito. Peguei um cartão e guardei o nome (o meu próprio vício em chocolate não me deixou esquecer este nome). Resolvi pedir um orçamento no começo desta semana e aproveitar que a empresa fica ao lado da casa da minha avó (onde estou passando boa parte do meu tempo durante estas férias) para agendar uma degustação.

Fui com meu primo Flavio, de 15 anos. Imagina… adolescente gosta de doce. Degustação de chocolate! E ele ainda foi meio relutante… Mas acabou não resistindo à tentação.

Segundo ele, valeu a pena.

Imagem: Divulgação

Quem nos recebeu foi a Stella, proprietária da empresa. Super simpática, tranquila. Montou uma bandeja com alguns sabores diferentes, em forminhas lindas!!! Base de chocolate na maioria (mas não em todos), combinados com castanha do pará, paçoca, maracujá, limão, entre outros sabores.

Os três primeiros foram os meus favoritos. Maravilhosos. Sabe aquele doce que você põe na boca e suspira? É deste tipo!

Não que os outros fossem ruins. Mas não são sou maravilhosos como os três primeiros.

O visual dos doces também conta… são bonitos, mas não chegam a ser daquele tipo que é tão lindo que dá dó de comer… Não gosto deste tipo de doce. Geralmente eles são ruins. Mas esta é a minha experiência.

A média de preço é R$ 3,00 a unidade. Está arredondado. Tem mais barato e mais caro. Mas são muito bons! Ah! E também tem doces diet.